11/03/2009

Aprimore o dom de falar baixo

.
Sempre, mas sempre falei alto. Admirava aqueles que mantinham uma voz serena em discussões e lugares barulhentos. Até que um dia encontrei alguém que falava muito, mas muito alto, e aquilo irritou demais meus ouvidos. Ao mesmo tempo em que a pessoa quase gritava (ao telefone), eu também aumentava meu tom. Ao final da ligação me dei conta de como o mundo seria melhor se nós falássemos baixo.
.

Outra vez, estava numa pizzaria com um amigo. Um lugar pequeno, daqueles bem aconchegantes, e ele me contando alguma coisa. Até que euzinha o interrompi.
"Fala mais baixo", eu disse. E ele simplesmente virou o incrível Huck. Me olhou como se fosse me engolir e não abriu a boca o resto da noite. No final foi engraçado ver a cara de bravo dele, mas no dia eu fiquei muito arrependida do comentário.
Tá, tudo bem. Eu também falo alto. Mas ele se animou... falava de uma maneira que todos em volta olhavam pra ele! Eu - morrendo de vergonha por ele - resolvi ajudar, mas acabei piorando as coisas.
.
Aí entramos naquela discussão de coisas que não devem ser ditas, como por exemplo "Você vai com essa roupa?", "Tem uma sujeirinha no seu dente", "Fulana, o que é isso na sua cabeça?", "Tá grávida de quantos meses?"... enfim... aqueles comentários desnecessários, mas que a gente insiste em fazer.
.
Mas voltando, eu aderia a campanha "Aprimore o dom de falar baixo!". [Isso porque eu acredito termos o dom, mas muitos ainda não aprenderam a lidar com ele].
Agora, sempre que pego o telefone para ligar pra algum entrevistado ou amigo, já penso em que tom estou falando. Dou 'Bom Dia' ou 'Boa Tarde' calmamente e inico a conversa da maneira mais educada que existe. Ah! Claro, o nível de voz mais baixo facilita a nossa educação, é obvio! Quem já viu alguém gritando e achou aquela pessoa educada?! Nunca! Não existe. A nossa voz diz muito sobre personalidade.
.
E então, eu continuo assim, falando baixo (a medida do possível).
Isso não quer dizer que eu parei de ser grossa. Eu continuo! (infelizmente).
Jeito é jeito e eu não consigo me controlar. Quando vi já foi!
Ok...não sigam meu exemplo e tentem abaixar a voz beleza!!!?
.
Beijo me liga gente!

25 comentários:

Tatiana disse...

kkkkkkk, eu sou do mesmo jeito.
Vivo levando uns pitacos de Deus e o mundo!
Mas não temc omo! =/
é natural, fazer o que né?

Nos tres disse...

nossaaaaaaaaa eu sou iguazinha
quando ligo para o brasil nao so para o brasil mais pra todo mundo
aqui kkkkkkk meu marido manda eu falar baixo quando vou ligar para o brasil ja vou logo pra cozinha e fecho a porta ou para o banheiro
pois sei que vou falar muuito alto
apesar da ligacao estar otima!!!!!!! as vezes tento eu juro quando vou dar conta ja estou no ultimo volumekkkk a minha filha de sete anos e igualzinha amim eu so vivo mandando ela falar baixo e o meu marido mandando eu falar baixo ele chega do trabalho ai me pergunta e como foi seu dia... eu comeco contando daqui apouco ele fala:FALA BAIXO! ah ta kkkkkkk mais vou conseguir eu tb adimiro muito aquelas pessoas que falam baixo principalmente no telefone!

Guilherme disse...

Pois é, eu tenho 13 anos e me coloco no lugar de seu amigo, preciso de ajuda para falar mais baixo, mais se alguém pede para mim falar + baixo eu aceito. Não consigo, sempre que estou empolgado me distraio e me pego falando alto...

Anônimo disse...

O primeiro sintoma de surdez é falar mais alto. Faça um exame de acuidade auditiva. É barato e pode dar tempo de reverter a situação. MP3, Ipod música alta levam à surdez. Pense bem. Se incomoda os outros agora falando alto, cuide para não incomodar os outros pedindo que repitam a frase.
Abs,
Bia

Leonor Toyo disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Christal disse...

Eu também falo alto. Tento falar baixo, mas quando me dou conta já estou falando alto, principalmente se estou empolgada, dando meu parecer sobre alguma coisa... É triste, pois constantemente as pessoas pedem para eu falar baixo; eu fico sem ação e paro de falar. Ou então, PIOR, assim que a gente acaba de falar alto, um interlocutor fala baixo para nos fazer perceber o contraste: tira da gente a chance de dizer que temos a voz contralto e todas as pessoas do ambiente nos olham como um ser menor, sem educação. Mas recentemente assumi que falo alto mesmo e parei de me recriminar, de culpar os meus pais pela forma que me criaram e de duvidar que Deus existe, pois se ele existisse todos seríamos perfeitos. Eu apenas sou eu. EU SOU. Como disse Dante, O INFERNO SÃO OS OUTROS. São sempre os outros, o EXTERNO, que nos impedem de sermos o que somos; e se a gente não der a nós mesmos a oportunidade de sermos o que somos nesta vida, nesta nossa passagem por este mundo de valores EXTERNOS, nós nunca iremos alcançar a serenidade da nossa existência. PRIMEIRO NÓS. DEPOIS OS OUTROS.

Tássia disse...

Eu já sou assim .. chego da escola animada pracontar oque aconteceuu, mais ai vem meu pai: FALA BAIXO TÁSSIA ! as vezes perco até a graça de continuar falando .. saio estressada e bato a porta e me tranco ! isso porque tenho 12 anos .. tento me controlar mais isso é impossivel .. pra mim eu falo baixo .. mais isso é PRA MIM ! os outros ñ acham isso ..
MINHA MÃE FALA QUE EU TENHO PROBLEMA , será ?
vlw geente, beeijo'

tuxa disse...

Estou cansada de ouvir todo o mundo dizer "fala baixo". Tenho 54 anos e até os meus netos se queixam. Não ouço mal e sempre falei assim. Quando estou distraída e empolgada o tom vai subindo sem que me aperceba. De tanto me repeenderem já cheguei a chorar. Estou pesquisando na net,talvez ache um livro que me dê dicas. Alguém sabe de algum?

Anônimo disse...

kkk...boa!!

Essa matéria é minha cara!!
Parece que está falando sobre mim!

Vou tentar adotar a tática...bjos

Érica disse...

Eu tenho o mesmo problema, e cheguei neste blog pesquisando no google como aprender a falar mais baixo! Eu concordo com tudo q li aqui e fiquei morrendo de dó da Tássia a garotinha de 12 anos, que o pai manda falar baixo! Chega a ser cruel gente! Mais é melhor assim, talvez se na minha infância ou adolescência tivessem me chamado mais atenção eu teria tentado mudar! Agora estou no emprego novo, e estão me chamando a atenção toda hora, tenho 34 anos e é melhor criarmos o AA das pessoas q falam alto! Beijos

Anônimo disse...

Tenho o mesmo problema, será que um fonoaudiólogo ajuda? Alguém já tentou?

Anônimo disse...

Acredito que um fonoaudiólogo irá ajudar, pois ele é um profissional que entende tudo de comunicação humana! :)
bjs

Anônimo disse...

Encontrei essa postagem depois de pesquisar na net como falar baixo ao telefone. Sempre chamo a atenção da minha mãe por ela falar demasiadamente alto, minha irmã por consequência me chama atenção por eu falar alto. Sempre que estou empolgada contando alguma coisa "clau fala mais baixo" ou psiu!!! Acompanhado do sinal de silêncio! rsrsrs Hoje aconteceu algo inédito na empresa que trabalho, a mais de um ano sou conhecida como uma pessoa relex, zen e todos dizem queria ser tranquila igual você. Sei que não sou tão tranquila assim, afinal sou humana, mas sempre quando eu tenho reações humanizadas de estresse ou aborrecimento, isso acontece em casa. Muito raramente no ambiente trabalho. Mas hoje ao falar no telefone da empresa em minha sala, acabei me alterando no telefone e falei alto demais rsrsrs Quando vejo a moça da recepção olhar com uma cara de assustada como se eu fosse bater em alguém, em seguida outra colega entra sala e pergunta "o que foi que houve? Está falando alto!" Eu murchei na hora fiquei mim sentindo super mal. Foi realmente horrível. Prometi a mim mesmo que vou tentar controlar minhas emoções e ter cuidado no VOLUME da voz. Galera isso é mais um desabafo do que um comentário, desculpas!!!

Clau Fortaleza - Ceará

Anônimo disse...

Encontrei essa postagem depois de pesquisar na net como falar baixo ao telefone. Sempre chamo a atenção da minha mãe por ela falar demasiadamente alto, minha irmã por consequência me chama atenção por eu falar alto. Sempre que estou empolgada contando alguma coisa "clau fala mais baixo" ou psiu!!! Acompanhado do sinal de silêncio! rsrsrs Hoje aconteceu algo inédito na empresa que trabalho, a mais de um ano sou conhecida como uma pessoa relex, zen e todos dizem queria ser tranquila igual você. Sei que não sou tão tranquila assim, afinal sou humana, mas sempre quando eu tenho reações humanizadas de estresse ou aborrecimento, isso acontece em casa. Muito raramente no ambiente trabalho. Mas hoje ao falar no telefone da empresa em minha sala, acabei me alterando no telefone e falei alto demais rsrsrs Quando vejo a moça da recepção olhar com uma cara de assustada como se eu fosse bater em alguém, em seguida outra colega entra sala e pergunta "o que foi que houve? Está falando alto!" Eu murchei na hora fiquei mim sentindo super mal. Foi realmente horrível. Prometi a mim mesmo que vou tentar controlar minhas emoções e ter cuidado no VOLUME da voz. Galera isso é mais um desabafo do que um comentário, desculpas!!!

Anônimo disse...

Na boa, estou me sentindo muito melhor depois de ver esses posts... Comecei a pesquisar na net sobre como aprender a falar mais baixo e encontrei esse blog. Nunca fiz esse tipo de pesquisa, mas depois da vergonha que passei ontem acho que o mais justo é tentar pelo menos aprender a falar baixo em ambientes apropriados... Estava com meu grupo de jovens do lado de fora da igreja, enquanto o padre celebrava a missa eu e meus amigos estavamos do lado de fora fazendo entrega de algumas pizzas que tinhamos vendidos. Conversa vai, conversa vem e minha empolgação começou tomar conta de mim quando olhamos para o lado, todos que estavam de fora da igreja devido a lotação estavam nos olhando, mas não os outros e sim eu... Merda, eu estava chamando mais atenção que o padre na missa, e o pior é que um amigo chegou e falou: da próxima vez falem mais baixo, e Cris eu estava ouvindo sua voz lá dentro da igreja. Moral da história, que vergonhaaaa!!! Eu preciso, eu necessito de aprender falar baixo! No meu trabalho todos reclamam, na minha familia também, no meio de amigos e na igreja também, as vezes acho que tenho dificuldade de me envolver com alguém tbm por isso... Fico tão triste por ser assim, e penso todo dia que poderia ser diferente. Por isso decidi procurar ajuda de um profissional, quem sabe não me ajuda um pouco... Abraços!

Liege disse...

meu cheguei a este blog procurando algo que me ajudasse a falar mais baixo.........não aguento mais ouvir os outros "fala mais baixo"

Angélica Aparecida Batista disse...

Liege, fiz o mesmo passei uma vergonha e resolvi procurar algo para me ajudar, jé que não consigo no momento pagar terapia.NÃO AGUENTO MAIS FALAR ALTO, e o pior é que isso me irrita.
Alguém tem um exercício para ajudar alguma coisa.Meu marido me conta algo com calma expressa até sentimento no que ele fala mas bem baixinho do tipo ninguem pode ouvir.kkk mas ai eu estrago tudo e ele se irrita e acaba o dia.
O que fazer?
Bjus

Angélica Aparecida Batista disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
ZHERON disse...

BOM COMIGO E ASSIM ... DRSDE CRIANÇA FALO. ALTO .. E TENTO EDUCAR MINHA VOZ .. FICO UM BOM TEMPO .E DEPOIS PERCO O CONTROLE.. INVEJO PESSOAS SERENAS NO FALAR.. Q TRAZEM TRANQUILIDADE. ... EU APOVORO I AMBIENTE.. MAS VOU VIVENDO .. BLA SORT PRA NOS

cida disse...

Eu também falo muito alto,e o pior que minha voz é rouca,e sou ansiosa,falo muito rápido e acabo cortando a conversa das pessoas...
A impressão que dá quando estou conversando com alguém é e de que estou brigando,já arrumei várias confusões por conta disso,a pessoa pensar que estou com ignorância e partir pro bate boca comigo,principalmente quem não me conhece direito.
Já fui a fono e não resolveu nada,ela havia me dito que tenho abaulamento nas cordas vocais,mas acho que no meu caso é ansiedade,gostaria muito de aprender a falar mais baixo,pois sou vista por todos como uma ignorante...Até com minha filha de 13 anos tenho problemas,ela vive chorando dizendo que só falo com ela gritando e brigando,não sei mais oque fazer...

karla disse...


Estou tão feliz, hoje, não imaginava que tinha tantas pessoas com o mesmo problema que eu.
Procurei durante anos psicólogos,fonos,psiquiatras,tomei remédios por conta própria,tudo isso tentando resolver o problema.
Graças a Deus deixei de culpar minha mãe,já que ela nunca encontrou ajuda nem para ela mesma. Ah!Fui para igreja evangélica por esse motivo.
Pensei que lá iria encontrar paz de espírito e resolveria isso. Mas não aconteceu.

Anônimo disse...

O pior, é que muitas vezes quem te manda calar tambem fala muito alto.

Anônimo disse...

gente,
Esse blog ainda é atualizado. Acabei de levar um pitaco por falar alto. Mas o que eu vou fazer?! Rs. Juro que tento, mas não consigo!!! =)

Anônimo disse...

Pessoal, eu também falo muito alto, mas sou até bem educada, mas minha voz vai aumentando e vou falando mais rápido na medida que vou me interessando do assunto. Quando estou feliz então...srsrsr

Anônimo disse...

GENTEEEEEEEEEEEEE............O QUE É ISSOOOOO??????????? Eu achei que fosse a unica no planeta que incomodava os outros por falar baixo.......... credo. ja senti muita vergonha, ja chorei, ja cansei de ser repreendida. então acho mesmo que Deus nos dá capacidade e vai me ajudar a melhorar............ um dia vi uma gerente de banco conversando ao telefone e nem se ouvia a voz dela. fiquei pensando em mim.......... nunquinha seria gerente de banco...kkkkkk, mas com fá vou conseguir. será uma batalha em tanto, mas não quero ter a fama das minhas avós e tias que gritavam como eu.....kkkk beijos a todas..........